Relacionamento: Terminou e agora?!

large

Olá meus amores, como vão vocês? Sim, eu sei, estou muito sumida, mas não é tão fácil trabalhar, cuidar do blog e fazer faculdade.  Estou me vendo loca e só quem passa pelo mesmo sabe o quão complicado isso é. – Muitos não sabem, outros fingem não saber e nós também não fizemos questão de contar para todos os amigos, mas pra quem ainda não sabe (vai saber agora, em primeira mão), Junior e eu não somos mais um casal (~triste~), mas não pensem que estamos brigados e em pé de guerra, pelo contrário.  – Hoje em dia o pessoal está muito acostumado com os antigos términos de namoro/casamento, brigas e cara virada um para o outro pelo resto da vida, mas é possível (simples na verdade) terminar um namoro onde ambos os lados saem felizes e sem quaisquer danos de sofrimentos. Foi o nosso bom termino de namoro que me levou ao post de hoje, que me fez ter vontade de falar sobre o assunto com vocês.

Mas Loow,  termino de namoro é algo complicado, alguém sempre vai sair ferido, como vocês terminaram sem brigar, sem ficar de ”burro” um com o outro ou sem ódio? Concordo com o fato de que não é fácil sair de um relacionamento, ainda mais quando o mesmo teve uma quantidade grande de anos, como o nosso, mas chega uma hora nas nossas vidas que a gente tem que parar de seguir as aparências, as vontades dos outros e aprender a seguir o que a gente sente. É claro que eu fiquei triste com o termino do meu relacionamento, mas a dor foi amenizada quando decidimos ser amigos, assim vamos continuar próximos um do outro e talvez num futuro próximo (ou distante) podemos vir a tentar de novo. Amigos? Como assim? Ninguém fica amigo depois de terminar um namoro! – Como ninguém fica amigo depois de um termino?! Vamos pensar como gente grande e não como alguém que teve seu coração partido ou foi decepcionado pela escolha repentina do seu cônjuge. Vamos classificar cada termino, assim fica mais fácil!

O TERMINO RUIM: Geralmente é aquele termino onde um dos lados foi traído ou simplesmente não ama mais a pessoa. Quando acontecem términos assim, é realmente complicado ter um final feliz e amigável, mas porque? porque algo de ruim aconteceu nesse meio que fez com que uma das partes sentisse raiva da outra e isso é ruim. Em casos do tipo (são os casos comuns), é melhor cada um seguir seu caminho, esquecer do outro, excluir das redes sociais e qualquer meio de contato e claro, evitar lembrar para não se ferir mais. Vai ser impossível e inevitável não existir términos do tipo, temos que nos acostumar com isso e seguir em frente, mas nem tudo se baseia no ”termino ruim”.

O TERMINO BOM: Aquele termino onde ambas as partes concordam com o termino (difícil acontecer), geralmente começa com um pedido de ”tempo”, que no final todo mundo sabe que esse tal ”tempo” vai se tornar um ”adeus”. Casais que chegam ao ponto de sentarem (ou não) e conversarem sobre o relacionamento e chegarem ao ponto de concordarem com o termino, é porque (1) não se amam mais, (2) querem mesmo um tempo para ficar sozinhos ou (3) NÃO SE AMAM MAIS. – No nosso caso acho que devemos optar pela opção 1 e 3, no final não existia mais amor, estávamos acostumados um com o outro e nada mais que isso e levar isso adiante ia machucar os dois e ia levar ambos a um ”termino ruim”, onde alguém ia pular a cerca do relacionamento, ia ferir o outro, brigas iriam acontecer e a cara virada ia ser a diva da história. – Quando um casal que viveu quase 4 anos juntos chega a um termino assim, significa que o relacionamento e as pessoas nele são maduras, pensam como gente grande e param de agir como crianças necessitadas de atenção e assim fica mais fácil na hora de dividir as coisas que foram construídas juntas durante o crescimento desse namoro/casamento. EX: Junior e eu temos os nossos gatos que são como filhos. – Se a gente tivesse tido um ”termino ruim”, a gente teria que brigar pelos gatos e separa-los de nós e um dos outros e não queremos isso, então pensamos neles e em nós.

large (2)

A gente ainda se ama, porém é um amor diferente de antes ou fingimos que é para que ambos sejam felizes assim e consigam sobreviver como amigos, mesmo sabendo que daqui algum tempo cada um vai encontrar sua outra metade da laranja, vamos nos distanciar porque o tempo faz isso ou vamos aturar (matando por dentro) o ex amor da sua vida se pegando com outra pessoa, mas ai vem o tempo novamente, o tempo pode mostrar que fomos sim feitos um para o outro e que esse termino foi necessário para descobrir isso, mas caso não aconteça, vamos descobrir que não era para ser assim. A parte boa disso tudo é que vamos ser amigos e se tem uma coisa que eu aprendi nessa vida, é que certos amigos são pra sempre e a gente pode ser um sempre como amigos.

Viram como é fácil ter um termino bom? Basta apenas os dois lados serem maduros, sentar e conversar. Não guarde seus sentimentos para si, se você não gosta mais da pessoa, senta e conversa com ela, se ela não entender e o termino for ruim, paciência meu amigo(a), mas caso contrário, aproveite a segunda chance que a vida esta dando para vocês.

MAIS AMOR E MENOS TÉRMINOS RUINS!

A moral da história é: Maturidade é tudo e se você souber ser maduro, tudo na vida vai ter um termino bom. – A vida é muito curta pra ficar perdendo tempo com briguinhas e mimimi, ainda mais com a pessoa que foi o ”amor da tua vida” por um bom e longo tempo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s